10 de dezembro de 2012

Hipocrisia de Merda!


Vejo o fim do Mundo em mim, por vezes. Nós todos somos hipócritas com o nosso interior porque fingimos sentir aquilo que não sentimentos mas que necessitamos. Quando mostramos o que sentimos chegamos ao limiar da pobreza insana em que não encaramos mais as nossas forças para transportar aos ombros aquilo que não conseguimos. O importante sempre foram as aparências e a muito que, talvez, tenha aprendido que sermos hipocrisia para nós mesmos também é uma forma de não nos afogarmos em alto mar quando não existe um porto seguro. Somos e seremos a nossa ancora enferrujada de memórias mas também o nosso veleiro a viajar pelo pôr-do-sol. 
E, por muito que se deseje morrer por outra essência qualquer serão sempre os sentimentos que nos vão matar. Só tens que levar contigo certezas de que te recusaste a afundar como belo marinheiro que dizes ser em momentos de glória as ondas da Vida. 

2 comentários:

Eu Acredito disse...

Gostei

http://euacreditoproject.blogspot.pt/

inês disse...

é tão isto cláu